Nokia lança smartphone Lumia 800 rodando Windows Phone


Mas é o Lumia 710 que vai competir de verdade no mercado de smartphones.

A família de celulares Asha não é a única novidade da Nokia  para o portfolio de produtos. A companhia também mostrou – depois de muita espera e de muitos rumores – como pretende adotar o Windows Phone 7 em seus produtos. Vem aí a linha Nokia Lumia, com duas opções para variados bolsos.

Finalmente a empresa finlandesa demonstrou de verdade o poder de fogo em seus aparelhos. Stephen Elop, CEO da Nokia, disse que só os aparelhos Nokia têm a verdadeira experiência do Windows Phone (imagina, não tem nada a ver com o lançamento do HTC Ultimate na semana passada). Ele disse que a melhor combinação de hardware com software está no Nokia Lumia 710 e no Nokia Lumia 800.
Nokia Lumia 800

O Lumia 800  é o mais completo. Já tínhamos visto imagens dele que vazaram para a mídia estrangeira, mas agora o dispositivo está oficializado. E como é bonito! Pegar um desses nas mãos dá vontade imediata de comprar. A equipe da Nokia está realmente de parabéns. O aparelho é fino, porém tem uma pegada boa. Na parte frontal temos vidro no qual fica o visor touchscreen.

Lumia 800: processador de 1,4 GHz single core

Lumia 800: processador de 1,4 GHz single core

Vem em três cores: magenta (leia-se: rosa), ciano (leia-se: azul) e preto. Na caixa do aparelho também vem um protetor emborrachado que segue a mesma cor do dispositivo em si. A moça responsável pelos demos do aparelho disse que ele é bastante resistente, mas não aceitou muito bem a minha ideia de deixar o Lumia 800 cair no chão.

Vamos às especificações do aparelho. O visor é de 3,7 polegadas em AMOLED. As cores são vibrantes na tela – eu imagino que seja bem bacana assistir filmes nele, mas não tive essa experiência por enquanto. Em termos de processador, o Lumia 800 está bem servido: 1,4 GHz de clock (infelizmente single core). Não tenho informações sobre a quantidade de memória RAM, mas posso dizer que o Windows Phone roda muito bem sem engasgos.

A capacidade de armazenamento do smartphone pode ser um problema. A Nokia decidiu incluir somente 16 GB no aparelho. Por incrível que pareça, não existe a possibilidade de expandir com uso de um cartão microSD porque o Lumia 800 não tem entrada para microSD. O motivo dessa escolha? Não sei. A Nokia diz que o usuário pode enviar seus dados para o SkyDrive da Microsoft, com direito a 25 GB de espaço para arquivos. Só que não é a mesma coisa de ter 32 GB ou 64 GB ali no aparelho, certo?

Em termos de fotografia o Lumia 800 tende a dar um show. Sua câmera de 8 megapixels conta com lentes da Carl Zeiss, um bom indicativo da qualidade das fotos. Eu só vi essas imagens na própria tela do aparelho e me parecia bem boas. Não sei como ficam em um monitor convencional, porém.

Smartphone vai custar 420 euros

O Lumia 800 roda Windows Phone 7.5 Mango. Stephen Elop conversou com um funcionário da Nokia diretamente da fábrica da empresa na Finlândia para mostrar as primeiras unidades do Lumia 800 sendo produzidas. O smartphone chega a alguns mercados europeus no início de novembro, mas a pré-venda começa hoje mesmo.

Preço: 420 euros em média, desconsiderando impostos e subsídios de operadora. Prefiro não imaginar o quanto ele vai custar em terras tupiniquins. De qualquer forma, a Nokia deixou bem claro que estamos falando de um aparelho premium, cujo preço segue o praticado nessa seara de produtos.

Nokia Lumia 710

Windows Phone em smartphone acessível para o consumidor final. Com essa premissa foi anunciado o Nokia Lumia 710. Ele é o primo mais humilde do Lumia 800 sobre o qual falei acima. Ainda assim, não está longe de ser descartado como opção de compra na hora de escolher um smartphone.

Lumia 710: o primo humilde do Lumia 800

O Lumia 710 roda Windows Phone 7.5 Mango. A versão mais atual do Windows para smartphones é bem aproveitada pela Nokia em um aparelho também com processador de 1,4 GHz (single core) e o mesmo processador gráfico e aceleração por hardware do Lumia 800. Os materiais empregados nele são mais simples, o que barateia seu custo.

Com visor também baseado em vidro, o Lumia 710 também traz cores vivas em um display agradável de ler. Além disso, o próprio sistema escolhido pela Nokia é muito bonito, o que facilita o trabalho de agradar o usuário. A traseira do aparelho pode ser trocada, e as cores disponíveis são as mesmas para o tema do usuário no Windows Phone (curti essa ideia, por sinal).

Outra diferença do Lumia 710 em relação ao primo rico: a câmera não conta com as famosas lentes da Carl Zeiss. Mais simples, o que não quer dizer que seja pior. O aparelho conta com 8 GB de memória interna, e assim como o Lumia 800 não permite expansão.

Stephen Elop, CEO, abre o Nokia World 2011

Eu diria que a Nokia fez um bom trabalho com o Windows Phone. Ambos os aparelhos são bonitos e agradáveis de usar, tirando bom proveito da plataforma da Microsoft. Os preços são justos e estão em consonância com o que a gente vê no mercado atualmente. Resta saber como o público vai reagir. Você compraria uma dessas belezinhas?

O presidente da Nokia Brasil disse que o país recebe os dois aparelhos no primeiro trimestre do ano que vem; ele negou que a data para lançamento do produto seja em fevereiro, diferentemente do que apontavam algumas notícias circulando na mídia brasileira. Ah, o Lumia 710 será fabricado nas instalações da empresa em Manaus, com direito a uma série de benefícios que diminuem os custos de produção.

Fonte: Tecnoblog

,

  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: